(21) 2522-0096

O contrato de aluguel em andamento, com aniversário em dezembro e reajuste pelo IGP-M (Índice Geral de Preços – Mercado) medido pela FGV (Fundação Getúlio Vargas), poderá ter seu valor atualizado em 24,52%. Com a alta de 3,28% no mês de novembro, fecha-se o comportamento dos preços no período de 12 meses compreendido entre dezembro de 2019 e novembro de 2020.

 

Para facilitar o cálculo do novo aluguel, o Secovi-SP (Sindicato da Habitação) divulga mensalmente o fator de atualização, que, no caso, é de 1,2452. Para atualizar um aluguel de R$ 1.500,00 que vigorou até novembro de 2020, realiza-se a multiplicação de R$ 1.500,00 por 1,2452, que resultará em R$ 1.867,80 a ser pago no final do mês de dezembro de 2020 ou início de janeiro de 2021.

 

Negociação

O vice-presidente de Gestão Patrimonial e Locação do Secovi-SP, Adriano Sartori, explica que, apesar da elevação do indicador nos últimos meses, a lei não obriga o reajuste. “É obrigatória a inserção de um índice de reajuste no contrato de locação. Entretanto, a aplicação ou não é uma prerrogativa do proprietário. Caso contrário, o não pagamento por parte do inquilino será configurado como infração contratual”, diz Sartori, que recomenda negociação.

 

Fonte:SíndicoNet